quarta-feira, 11 de junho de 2008

Vale 10/06/2008

A Vale testou nesta terça-feira a LTA. Caso perca a LTA, a tendência de médio prazo passa a ser baixa. Pela formação da figura (Butterfly Bearish), o suporte mais importante está em R$ 47,35. Se houver uma reação positiva entre R$48,62 e R$47,35, temos a continuidade de um AB=CD, retornando a Vale para um processo de alta no médio-prazo. Abaixo dessa região invalida a possibilidade de um AB=CD.

A

6 comentários:

Coicev disse...

Ábaco

Como é a técnica para traçar o buttefly que vc usou na VALE, antes de ele se formar?

Como vc definiu os pontos A,B,C, etc e as retas de tendência / objetivos?

Abaco disse...

O Butterfly ocorre quando uma queda ou alta é seguida por um movimento contrário e esse movimento termina em 78,6% do movimento anterior. Ou seja, se uma ação sofre uma alta e passa, digamos, de 100 para 200 e depois ocorre uma queda que para em 121,4. Então 100 é A, 200 é B e 121,4 é C. Com esses 3 pontos é possível traçar os pontos D e E. Se a segunda perna não fosse interrompida em 78,6%, teríamos outra figura, com outras projeções. No site http://www.harmonictrader.com/ existe a explicação de como fazer os calculos e há livros, em inglês, que trata apenas dessa técnica.

Coicev disse...

Ábaco. Corrija-me se estiver errado:

Pelo que entendi do padrão borboleta (em www.harmonictrader.com), antes de existir a perna "B-C" do padrão ("C-D" no seu gráfico da Vale), para traçar a sua previsão deveria ser uma projeção paralela à perna "X-A" ("A-B" no seu gráfico da Vale). Só que no seu não está paralela.

Isso me deixou na dúvida sobre como traçar antecipadamente...

Abaco disse...

Paralela no sentido de inclinação das duas retas? Se for isso, não, XA não precisa ter exatamente a mesma inclinação de BC.
Você pode ver nesse exemplo http://www.sr-analyst.com/i/Gartley.gif que não há uma paralela exata. Na verdade, o mais importante são as relações de Fibonacci. No caso em questão, só seria algo que iria contrariar a técnica se o primeiro triângulo durasse 3 meses e o segundo 1 ano, o que não é o caso. No gráfico da Vale, pode-se ver que BC é paralelo a DE (AB=CD), apesar de eu não ter me preocupado deixar isso claro. Quando a CD (BC) não há necessidade de ser paralelo a AB(XA), não há o condicionante XA=BC.

Anônimo disse...

Caro Abaco,

Considerando a perda do suporte, vc disse que haveria agora uma borboleta de baixa. Como ficaria a figura agora?

Agradeço pela atenção,

Neto

Abaco disse...

O atual butterfly já é de baixa (butterfly bearish), pois após o ponto E é esperada uma queda. Não há a formação de um novo harmônico, só se houvesse uma reação no atual suporte. Em perdendo, não temos nova figura. Esta depende da formação de um novo pivot.