quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

Petrobras 06/01/2010

Rompida a LTB, a PETR4 voltou a tendência de alta no curto, médio e longo prazo, sem objetivo definido. Como não se recuperou da queda de 2008, há espaço para continuar subindo.

5 comentários:

químico disse...

obrigado pela análise Ábaco!

DAVI disse...

ÁBACO
Qual sua opinião sobre o comportamento das ações da petrobras mediante o futuro aumento de capital da empresa de 75 BILHÕES DE DÓLARES, que será o maior da história mundial? Ações costumam subir ou cair antes de uma capitalização?

Abaco disse...

Esse é o tipo da premissa que procuro evitar. Dizem que o pessoal bate no período anterior. Mas como são dois lados, prefiro não partir dessa premissa.

DAVI disse...

Abaco
Não compreendi o que você quis dizer com "bate no período anterior" e "são dois lados".
Obrigado pela opinião, ou no caso, uma sensata não-opinião ...

Abaco disse...

São dois lados, o da empresa e dos acionistas. Se vai ocorrer uma emissão, a um lado interessa que as ações caiam, e outro não. Sempre há interesses no período que vai definir o preço da emissão. Então, é preciso saber quando e como será definido o preço, se será a média de cotações de determinado período, se haverá negociação de direitos, etc.